0
Seu carrinho está vazio :(
Dicas

DECORAÇÃO INTEGRADA: DICAS PARA NÃO ERRAR NO CONCEITO ABERTO

Publicado em 25.09.2020 | comentários
168 visualizações

Dicas práticas para harmonizar o ambiente quando sala e cozinha são um cômodo só

casa ampla cozinha sala integrada

 Os programas de decoração pelo mundo afora não deixam dúvidas: o conceito aberto é o queridinho do momento. A praticidade desse estilo vem conquistando cada vez mais fãs e hoje em dia é muito fácil entrar na casa de alguém e não ver mais tantas paredes. Mas com essa visão ampla de vários cômodos como não errar na decoração e garantir um visual harmonioso e ao mesmo tempo cheio de personalidade? É o que vamos te mostrar agora em dicas simples e práticas.

Esse espaço integrado tem o nome de cozinha americana por ser bastante comum nos Estados Unidos.

E por que ele tem ganhado tanto espaço nos projetos também aqui no Brasil?

Provavelmente porque cria um ambiente mais amplo e mais confortável para receber seus amigos e familiares. Você pode estar cansado de receber visitas e ficar fora das conversas que acontecem na sala porque está sozinho na cozinha preparando os petiscos. Ou talvez fique inseguro de deixar o filho sozinho na frente da TV enquanto prepara o jantar. Isso sem falar no problema de falta de espaço se a sua casa tiver dimensões menores.

Motivos não faltam para investir nessa tendência, né! Mas e inspiração?

Se está faltando isso para você vamos ajudar com alguns pontos a serem levados em conta na hora de planejar e decorar esse ambiente integrado de sala e cozinha:

1 – DELIMITE OS ESPAÇOS

espaco pequeno cozinha sala integradas

Não é porque não tem parede que não pode haver uma delimitação clara de ontem um ambiente termina e o outro começa. Usar móveis para marcar esse limite é uma das principais apostas. E nesse caso, as ilhas e bancadas da cozinha são uma boa pedida para não errar.

Plantas e luminárias também são utilizadas com esse intuito. E a estante da sala: aqueles modelos vazados permitem criar praticamente uma parede, mas sem perder a praticidade da visão para o outro lado.

Há quem aposte em iluminação como divisor: uma luz mais amarela para sala e branca para cozinha ou vice-versa. Isso também denota bastante personalidade.

Em resumo é importante delimitar o espaço para cada ambiente. A dica para definir essa limite de forma harmônica é procurar pelo ponto central de cada um deles.

2 – ATENÇÃO PARA AS CORES

CAPA COZINHA COLORIDA

Você pode usar as cores de forma estratégica de várias formas. Uma delas é para produzir o item 1: delimitar os ambientes. Cada cômodo pode ganhar sua própria identidade ao ter sua própria cor. Principalmente se você quer mesmo uma decoração cheia de personalidade. Tons vibrantes e contrastantes dão um efeito surpreendente nesse sentido. E não precisa usar essa cor só na parede: os móveis em ambos os cômodos também podem ganhar um colorido especial. Mas atenção para não criar um efeito bagunçado e colorido demais e que não pareça pensado.

Se optar por essa dica, prefira usar a mesma cor, ou ao menos cores que conversem entre si, para compor a decoração de cada ambiente para não parecer que móveis e objetos foram apenas jogados ali de qualquer jeito. Afinal, planejamento é tudo na hora de decorar.

Mas se você prefere não ousar e quer mesmo um efeito que não tem erro use a cor para unificar os ambientes. Deixe a separação por conta dos móveis e invista em um único tom que também vai dar uma impressão de mais espaço para o ambiente. E aí estamos falando de tudo mesmo. O piso, móveis, objetos de decoração. Para dar um ponto de cor nesse caso, se optar por uma tinta mais neutra para as paredes, que é o ideal, aposte em itens que combinem entre si.

almofadas etnicas prego e martelo

A almofada da cadeira e do sofá com o mesmo tom vibrante. Quadros com diversos tons da mesma cor nas paredes dos dois cômodos. Detalhes da pintura em pontos específicos do ambiente combinando com o sofá.  Isso garante que os dois espaços fiquem ainda mais integrados.

3 – PENSE NO ESPAÇO COMO UM TODO

quadro sala de jantar prego e martelo

Cores diferentes, iluminação estratégica, móveis planejados. Você pode ousar com alguns itens, mas não esqueça que com o conceito aberto tudo faz parte de um mesmo cômodo e por isso os elementos devem ao menos conversar entre si.

Por exemplo, se for criar um estilo praiano, não dá para colocar na cozinha um tema completamente diferente e esperar que fique harmônico. 

Além de cuidar com alguns detalhes na própria decoração para que ela fique realmente integrada também é preciso estar atento a algumas situações que esse conceito aberto traz.

Uma delas é a possibilidade de ver tudo de onde estiver que pode ser um problema se você for do tipo que não organiza as coisas; Embalagens vazias, louça acumulada na pia e outros detalhes não ficam bem quando vistos na sala, por exemplo. O espaço também deve ser bem arejado;

E esse ambiente integrado vai pedir ainda alguns cuidados simples como, por exemplo, uma boa coifa, para evitar que o sofá e os móveis da sala fiquem com cheiro de fritura ou fumaça.

Gostou das dicas? Encontre itens para incrementar sua decoração integrada no site www.pregoemartelo.com.br

Separamos alguns acessórios que podem fazer a diferença:

Kit 5 Telas em Canvas Decorativa Ponte Noite Iluminada

almofadas pacman prego e martelo

03

quadro sala prego e martelo

Texto: Adriele Nardelli - jornalista e redatora Prego e Martelo

Comentários

Prego e Martelo e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.