Dicas

Você sabe como escolher a mesa de jantar ideal?

Publicado em 29.04.2021 | comentários
24 visualizações

Ter uma mesa de jantar adequada é essencial. Seja ela grande, pequena, retangular, oval, de madeira, metal ou vidro...

opções para todos os gostos e estilos decorativos, na hora de escolher esta importante peça de mobiliário.

E aí entram em jogo diferentes questões que vão além dos nossos gostos particulares, mas também o espaço disponível, etc.

>> Saiba mais: 5 truques para você misturar móveis de madeiras e cores diferentes sem medo.

Quer saber como é a mesa de jantar ideal?

mesa de jantar prego e martelo

Responder à questão de como seria a mesa de jantar ideal depende de diversos fatores, embora o espaço disponível ou o estilo do conjunto possam ser decisivos.

Antes mesmo de começar a pensar no seu projeto, o primeiro passo é ter clareza sobre o espaço que o móvel ocupará.

Não faz sentido se apaixonar por uma peça exageradamente grande para a sua casa, se não há espaço suficiente no ambiente.

Não se trata apenas de ajustar o design ao espaço disponível por uma questão estética.

A funcionalidade tem muito a ver com o tamanho da mesa da sala de jantar.

Para que possa prestar um serviço confortável, é importante que a peça respeite as medidas em relação ao seu entorno e também entre os comensais.

O espaço ao redor na mesa deve ser no mínimo 90 centímetros para que mesmo depois de sentados nas cadeiras, as pessoas ainda tenham espaço para passar por trás da cadeira, lembrando que geralmente o espaço livre mínimo que cada pessoa ocupa em uma mesa de jantar é de 60cm.

Se o espaço permitir uma distância maior para a circulação, 1,20 metros é perfeito.

>> Saiba mais: Jogo americano ou sousplat: qual o ideal para você?

Quais outros critérios na escolha de uma mesa de jantar?

mesa de jantar madeira prego e martelo

O tamanho não é a única coisa que nos ajuda a definir a nossa mesa de jantar ideal.

Sua forma e design também são critérios fundamentais. As mesas quadradas, por exemplo, são muito práticas para famílias de até quatro membros, casais ou, simplesmente, pequenos espaços.

Aquelas com um design retangular, no entanto, são extraordinariamente versáteis e geralmente mais generosas para famílias numerosas ou quando se trata de acomodar clientes.

Perfeitas para salas de jantar alongadas, podem aumentar a sua capacidade se optarmos pelos modelos extensíveis.

Mas se você é do tipo que adora um “ajuntamento”, adora receber em sua casa amigos e familiares e busca uma total conexão entre os convidados, uma mesa redonda pode ser a melhor opção.

Ideal para ambientes pequenos e quadrados, são muito práticas e permitem uma maior proximidade dos comensais, por isso costumam gerar um ambiente aconchegante e descontraído na hora das refeições.

As mesas ovais de jantar, por sua vez, são uma alternativa intermediária à redonda ou retangular mantendo, sim, muito de sua versatilidade.

Possuem a vantagem de ter bordas arredondadas, que consequentemente ocupam um pouco menos de espaço e conferem ao ambiente em que estão alocadas um certo ar leve em função da suavidade de suas formas.

Outra questão a ter em conta para encontrar a mesa de jantar perfeita é o uso a que se destina.

Se falamos de uma peça de uso habitual ou multifuncional, ou seja, que usamos todos os dias e até serve como mesa de trabalho em alguns casos, apostar num design generoso pode ser a melhor solução.

Para pequenas salas de jantar onde liberar espaço é uma necessidade, ter uma mesa dobrável ou extensível é uma alternativa tão funcional quanto esteticamente atraente.

>> Saiba mais: Fuja do óbvio: vamos falar de sousplat divertidos?

Materiais, formas y otras cositas más.

centros de mesa 2020 prego e martelo

O estilo de cada um também definirá, em parte, a adequação de uma ou outra mesa de jantar e, nesse sentido, os materiais são grandes aliados.

A madeira maciça é típica de ambientes rústicos, embora também seja comum em decorações de inspiração nórdica ou industrial.

Se falamos de resistência, a cerâmica ou o vidro temperado, por exemplo, são uma solução altamente recomendada, além de ser uma alternativa moderna e com muita personalidade.

Companheiros inseparáveis da mesa de jantar, os assentos também terão um papel fundamental na escolha do design mais adequado.

Você sabia que se optar por cadeiras com braços, por exemplo, deve adicionar cerca de 10 cm a mais por pessoa para o seu conforto?

Se sua mesa já for pequena ou a circulação em volta dela for mínima, não dá pra colocar cadeiras imensas. Nem pense nisso!

Então, a regra continua sendo a da proporção ao espaço, e principalmente, ao tamanho da mesa.

Reserve os modelos com braço apenas para as cabeceiras, no restante da mesa eles atrapalham um pouco a mobilidade.

Materiais, formas, tamanhos...

Tudo isso pode nos dar pistas, embora existam outros detalhes que também podem ajudar na hora de escolher as cadeiras ideais.

As cadeiras podem fazer conjunto com a mesa, podem ser estofadas ou completamente diferentes. Isso vai depender do estilo que se quer.

Apenas tome cuidado para que os modelos escolhidos estejam em harmonia. Uma boa dica é que eles tenham um material em comum.

É importante ressaltar que em tempos em que espaços integrados são quase uma regra, as cadeiras da mesa de jantar devem combinar não só com a mesa, mas com a decoração como um todo.

Breve lembrete: jamais prenda cadeira entre a mesa e parede, ok!

Proporção é a palavra chave.

Não faz sentido nenhum deixar um assento inutilizado ou ter que mexer a mesa para que alguém possa se assentar à ela. Quem tem que se mexer é a cadeira e nunca a mesa.

E por falar em mesa de jantar, se quiser inspirações tanto de sousplat quanto de jogos americanos, acesse www.pregoemartelo.com.br e confira as muitas opções disponíveis para você dar show em matéria de mesa posta.

Comentários

Prego e Martelo e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.