Dicas

Design de interiores comercial: dicas para decorar sua sala ou escritório.

Publicado em 30.03.2021 |
85 visualizações

A concepção de um estabelecimento comercial é um dos fatores mais determinantes para otimizar ou dinamizar que cada negócio necessita.

É uma das chaves para captar a atenção de potenciais clientes e mergulhar todos numa experiência agradável que facilite a memória do cliente.

O design de interiores de um estabelecimento comercial deve obedecer a três princípios básicos:

  1. Seja atraente: atraia clientes, que queiram permanecer no estabelecimento e consumir os produtos ou serviços. Ou ainda ser um espaço aconchegante e salubre para a equipe poder desempenhar suas funções.
  2. Funcionalidade: a decoração deve estar de acordo com a atividade comercial a ser realizada e essencial para que o cliente sinta bem-estar no espaço e volte mais vezes e que permita a efetiva atividade dos colaboradores.
  3. É a imagem da sua marca. A decoração e o interior das instalações, juntamente com a fachada, são a sua imagem de marca. Desde os detalhes simples até os mais elaborados, uma boa decoração é essencial para que tanto os clientes, como a equipe sintam bem-estar no espaço.

Desta forma, o design assume um papel altamente relevante em todos os negócios, pois pode proporcionar uma vantagem competitiva que ajuda a alcançar aquela preciosa diferenciação tão almejada por todos.

>> Saiba mais: Você já ouviu falar de ergonomia? Ela pode influenciar no seu bem estar em casa e no trabalho

Por que o projeto de um local comercial é importante?

startup decor prego e martelo

A concepção das instalações permite transmitir aos seus clientes a filosofia do seu negócio e é um dos fatores mais determinantes para a criação de uma imagem de marca única e memorável.

Não há nada melhor para uma empresa do que encontrar seu próprio lugar na mente de seus consumidores.

Desta forma, para que você não corra o risco de cair na homogeneidade do seu setor e tenha um diferencial, a seguir apresentamos uma série de dicas e orientações a levar em consideração.

>> Saiba mais: Dicas de Feng Shui para colocar em prática na decoração da cozinha e atrair boa sorte.

Dicas para projetar instalações comerciais.

Não se precipite na abertura e reserve o tempo necessário para planejar e traçar uma estratégia que lhe permita otimizar seu negócio.

Para ajudá-la(o) a fazer isso, recomendamos que você faça todo o tipo de análise e estudos que forem necessários como veremos a seguir.

>> Saiba mais: Recebendo com estilo: dê boas vindas já com seu tapete de entrada

Analise e estude o seu negócio.

Cada negócio é um mundo e deve se adaptar ao máximo às possibilidades do lugar onde será desenvolvido, do ramo escolhido.

Portanto, é necessário que você analise tudo o que deseja que seus clientes e time percebam para transmiti-lo através do design e da imagem das instalações.

Além disso, como dissemos antes, isso ajudará a criar uma imagem de marca e reputação em seu setor.

>> Saiba mais: Dicas para decorar um imóvel alugado.

Se puder confie no design das suas instalações em profissionais.

Depois de saber o que pretende comunicar, que imagem pretende transmitir e quais as necessidades que as suas instalações devem satisfazer, deve confiar em profissionais capazes de compreender os seus propósitos e de os expressar através da concepção dos espaços comerciais.

A arquitetura de interiores e o design de interiores agregarão valor ao seu negócio que pode ser a chave do sucesso, então… não hesite em contratar profissionais e especialistas em design de interiores!

Como você pode perceber, o local é considerado uma ferramenta voltada para aumentar a atratividade e o impacto do negócio sobre o seu público ou até mesmo para manter e atrair novos talentos, nos casos de escritórios que não lidem diretamente com o cliente final.

Por isso é fundamental cuidar de cada detalhe e não deixar nada ao acaso.

>> Saiba mais: Ilumine sua vida com o Feng Shui da luz

Priorize móveis funcionais.

Não dá para ter um bom desempenho profissional utilizando móveis desconfortáveis ou pouco práticos, concorda? Por isso, é essencial que todo o escritório possua móveis de qualidade e que não comprometam a circulação no espaço.

Antes da compra, redobre a atenção com as medidas do ambiente, de modo a não sufocar as estações de trabalho.

Mais uma vez, dispense o excesso de informações e priorize os componentes obrigatórios para salas comerciais, como mesas, cadeiras, estantes e bancadas.

>> Saiba mais: Dicas para você ordenar seu home office, com sucesso.

A decoração deve tornar o local atraente para os clientes.

Uma loja de varejo por exemplo, deve ser atraente para o cliente e se o aumento na taxa de vendas depende do tempo que o cliente passa no estabelecimento, este deve ser o mais agradável e confortável possível para o cliente.

Isso é especialmente importante em lojas de roupas, acessórios, calçados, supermercados, joalherias, etc.

Nestes casos devemos tentar criar ambientes expositivos com fácil acesso aos produtos, com estandes bem organizados e iluminação adequada.

Se as instalações forem destinadas a outros tipos de uso (consultorias, escritórios de advocacia, empresas de software, e-commerce, corretoras de seguros, clínicas, etc.), a seleção de móveis de escritório, objetos e acessórios decorativos será imprescindível.

Criar ambientes limpos e modernos, combinando cores claras, vidro, metais e móveis de design ajudará a construir a confiança dos clientes.

>> Saiba mais: Feng Shui do sucesso: como decorar para atrair prosperidade

A decoração das instalações deve ser funcional e permitir o desenvolvimento fluido da atividade comercial.

A decoração de um local comercial deve permitir ao cliente sentir-se confortável no estabelecimento, mas também permitir que todos que ali estejam diariamente possam circular por ele adequadamente.

A distribuição dos espaços é fundamental na decoração de interiores.

Será necessário levar em consideração tanto a fluidez da movimentação dos clientes, como também que os trabalhadores possam realizar seu trabalho da forma mais eficaz possível.

>> Saiba mais: AS CORES PARA 2021: FENG SHUI PARA UM ANO NOVO PROMISSOR

O design de interiores nos permite transmitir a imagem de nossa marca.

Devemos ter a consciência de que a decoração faz parte do que os nossos clientes pensam de nós e do nosso produto, por isso devemos ter clareza sobre a imagem que queremos transmitir e saber como fazê-lo.

A decoração do interior das instalações deve permitir-nos transmitir ao cliente o que queremos, seja o que for (confiança, modernidade, seriedade, diversão…).

Cuidar do aspecto estético dos móveis, da escolha de cores e da decoração em geral pode ser essencial para o sucesso do nosso negócio.

Essa questão está diretamente relacionada à identidade da marca.

Isso porque a escolha das cores do ambiente comercial vai depender basicamente dos elementos que refletem a linguagem visual do seu negócio, como o logotipo, a fachada, os painéis, entre outros.

O importante é que as paletas dialoguem entre si, de modo a não carregar a decoração e tampouco comprometer todo a parte conceitual da marca.

Em linhas gerais, utilizar cores neutras nas paredes e no mobiliário — como brancos, beges ou cinzas — é uma forma eficaz de evitar esses erros, pois essas cores nunca dificilmente pecarão pelo excesso e roubarão a cena.

Por outro lado, considere pontuar alguns elementos de tons vibrantes pelo estabelecimento comercial.

Use a psicologia das cores à favor do seu negócio e justamente aplicando conceitos dessa disciplina, tonalidades quentes — como amarelos, alaranjados e vermelhos — ajudam a estimular a criatividade, o foco e o equilíbrio no ambiente corporativo.

Faça o teste!

>> Saiba mais: DECORAÇÃO QUE MOTIVA: PORQUE INCLUIR PALAVRAS NOS AMBIENTES É UMA BOA IDEIA

Cuide da iluminação e de outros aspectos decorativos.

mdffra002cfpreto2(Clique na imagem - Escultura de Parede em MDF Sonhe, Acredite, Realize)

Um bom projeto de iluminação valoriza qualquer tipo de design de interiores!

E, sobretudo em estabelecimentos comerciais, cuidar da luminosidade é imprescindível para garantir o bem-estar da clientela e dos funcionários.

Principalmente favorecer as escolhas dos clientes, claro.

Afinal, o cliente precisa enxergar muito bem os produtos que está levando para casa, certo?

Só pelo exposto, já deu pra ver que não é brincadeira e que cuidar da iluminação central e dos focos de luz, a depender do seu tipo de negócio, pode fazer toda diferença.

Considerando não somente a posição dos móveis, vitrines e recepção, mas, também, aqueles pontos estratégicos que devem ser valorizados — como a vitrine promocional, as impressões e desenhos relativos à marca.

Não esqueça de usar abusar de quadros decorativos, telas em canvas, acrílicos espelhados e diversos outros produtos de decoração que você encontra facilmente aqui na Prego e Martelo.

Agora sim o estabelecimento está pronto para competir no mercado!

Seguindo essas dicas de decoração em ambientes comerciais, certamente o seu negócio não passará despercebido pela clientela.

Prego e Martelo e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.